quarta-feira, 17 de junho de 2015

São Paulo 2015

Minha cara estampada com rosto do espaço
Meu cotovelo escorado no meu braço
Bastou a poesia chegar para acabar meu cansaço

O tempo consentiu uma nova saga
A vida permitiu livrar-me da praga
Pelo amor de Deus viva e deixe-me viver sua draga!

Ter visão de gavião é quase insuportável
Sensibilidade como réptil,  admirável

Audição felina com olho de menina
Cabelo enérgico, sintético, cibernético
Mão da trajetória,gloria, vitória,
Boca de luz que conduz
Olho que projeta e acerta a meta

Carteira de trabalho, mão de figa, pinceis, grampeadores, perfumes,
celulares, sextilha, caneta, lápis, cartão, contrato, chave, diploma, código de barra, sapato de bronze,
jornais, interruptores, calculadoras ,formulário, agenda, panfleto.

Onde estou?

Que coisa linda! um passeio peripatético pelo centro da cidade cinza, com cérebro colorido.

Nicah Gomes




 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradeço seu carinho!

Casa do Poeta de São Paulo

Casa do Poeta de São Paulo
Presidente Wilson Jasa, Vice Presidente Adriano Augusto, Embaixadora Cultural

Movimento Poético

Movimento Poético

Associação de Poetas Portugueses

Associação de Poetas Portugueses

Casa do Poeta de São Paulo

Poderá também gostar de:

Postagens antigas

Seguir

Obrigado à todos visitantes!

Maria Ruth

Maria Ruth
Artista Plastica

Titulo - Criação By Nicah Gomes

Titulo - Criação By Nicah Gomes
Tela - Acrilico TM 1x20 1.00

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Translate