quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Pedro / João - conto

Pedro pediu tanto um grande amor,
queria tanto sonhar, que esqueceu a realidade,
  à ilusão dura? as vezes muito, outras quase nada.

Pedro descobriu o descaso de João com sua relação!
-  ficou desesperado!

Pedro parou.
 Pensou," agora  não creio em ti João"

Tudo fala!
Mesmo sem tua voz João...

- O famoso tempo atemporal
decidiu mostrar...seu rosto desfigurado .
... antes  mascarado !

- sorriso se foi
- lagrima derramou
 palavra  preenchida ,
 oca se tornou...

? agora, o vazio ganhou espaço...!!!
- solidão bateu a porta e disse; Pedro vim para uma visita rápida.

-Pedro assustado,  não abriu a porta
 então a perspicaz solidão   mandou a decepção,
que por sua vez abordou a porta de forma diferente
-  Pedro enganando,  pobre diabo!

- Pensando que fosse a solidão  abriu  rapidamente a porta
entretanto.
  Decepção se apoderou da brecha da porta lançou Pedro  porta a dentro
 ... com toda força,
 mostrando seu rosto frio e cruel; disse a Pedro: eis aqui a realidade... Pedro.

Nica Gomes
  

Flores ou Peixes

Talões, cartas, emails, telefones
Muitas informações.
Como vejo as flores hoje?
Com mais cores,criativas, fortes caules verdes.
Peixes frescos!
- lembrei-me sem querer desta linda parábola japonesa
quanto maior a dificuldade, maior será seu sucesso!
Peixes exaustos, quero distancia!

Precisa de grandes tanques com alguns tubarões? engraçado!
Sim ou não depende da sua força criativa
- eles  propiciam novas estrategias!
- novos olhares!
As vezes uma pálida situação nos faz refletir
à respeito
de cada segundo,  não tinha sentido, agora vejo a resposta.

O incrível, inestimável frescor de admiração por pessoas
são eternos. A passagem de palavras acidas,  corroem
mas não destroem amizades.

As flores apareceram de formas diferentes; a lição destas cenas podem ser resignação,
compaixão, serenidade, amizade, resgate ou a vida como ela é!
Nua, despida de tudo e todos.
Apenas pura, aberta a novas fases.

Nica Gomes


      

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Vida

A expressão faz toda diferença!

A diferença faz toda expressão!

O resultado vem absoluto!

È fazer para ver!

Nica Gomes

sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Vinho

A respiração de antemão passou distraída
nem percebeu a embriaguez da garrafa cheia orgulho.
O copo transbordou derramando o liquido
inquieto das veias ciumentas.

Oh desgraça bendita!
Somente mergulhando no poço
além das aparências , pode se permitir
apneia do conhecimento.

Grande é aquele que se permite ferir,
 não, não defendo aqui " auto flagelo"
 - mas, sim identificar seu próprio pulso.

Ah tempos!
- Ou de tempos à tempos!
Em tempos.
È necessário, pararmos, refletirmos,
analisarmos, meditarmos até
sentirmos nossa circulação passeando  pelo corpo.

 Tocar o peito com a palma da mão,
 deixar o coração ganhar voz.

Perceber  cada batimento.Ele esta acelerado? acalme-se!
Ele esta lento? faça uma pequena massagem de palavras amigas!
As palavras curam grandes feridas.
Feche os olhos!
Tudo fica tão claro, basta  ouvirmos nossa essência.
Viemos da luz e para ela voltaremos,
 portanto  embriagar-se !
- De amor e Luz.

Nica Gomes  

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Poder

A vida simplesmente maravilhosa!
A essência fortemente acesa!
Você pode tudo!
Você é tudo!

Nica Gomes  

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Cravo

Erva  inimiga vi sua iris
brincando com  cravo nervoso.

-Pequena iris travessa  pare de pular
em jardins desconhecidos, pare de espalhar
seu ciume ingrato.

Quando vi  aquele cravo despedaçado
a chorar suas folhas rasgadas buscavam
abrigo.
- Cravo! cravo querido arrancaste
todas ervas daninhas por amor,
quanto sofrimento poderia ter sido poupado!
se erva daninha fosse boa, não guardava magoa.
Bravo!
Cravo querido vencemos!
Pois a cada tempestade vencida
provamos que amor, é amor!

Amor, não se altera apenas prospera!
- amor encara ervas  daninhas com bravura.
Entenda  se nivelar a erva daninha
acabará permitindo contaminação...

Cravo querido aprenda de uma vez por todas
o unico responsável por seus sentimentos é você...

Nica Gomes



Mensagem do dia

Somos aliados as vicissitudes tendemos gastar tempo
alfinetando  aqui e ali. esta atitude infante pode
arrematar  gotas preciosas de carinho que foram pouco a pouco
armazenadas.
Pensamentos são energias soltas!
Cuidado!
Pense bem!
Veja bem!
Tudo esta ligado portanto sua arrogância pode ser sentida à milhas e milhas distante.
Não perca tempo mentindo para quem te ama. Se ame querida.

Nica Gomes

segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Ação

Uma mescla de alegria e descobrimento
em recantos improváveis.
Faíscas de imagens saltitam minha mente
são condomínios de ideias, cidades criações
estados de bravas atitudes, essas seriam algumas definições
para o salão de festas "criatividade"onde todos estão dançando
 a mesma valsa, com notas altas, com arranjos "ações  agora".

Nica Gomes






 

sábado, 19 de novembro de 2011

Razão

A incapacidade de compreensão
nos faz  questionar postura de algodão
parece objetivo direto.
No entanto é raso,travesso e cansativo.
Hoje parece com ontem, e antes de ontem
o ano passou.
 Infinito plasma continua igual
 vazio. Você nasceu para ser sozinho.

Nica

  

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Circulação

Existem momentos inexplicáveis. A incompreensão alheia
mata!
O lado asqueroso de determinadas pessoas,  suas ações egoístas em conjunto com  auto defesa!
Proclamam...
 Faço isso por amor!
-  da posse? ou ... do alho?
Não sabia eu, que egoismo e posse eram parentes do amor!
Ah fases da vida que a cegueira toma conta de nossas decisões,mas
 com uma pequena intervenção cirúrgica um pequeno bisturi da lucidez para retirar a estupidez encrustada.
Nos faz refletir. Como chantagens de todas as maneiras chegaram a tal ponto...
João e Marias não cansam,
 vivem
à incomodar aqui e acolá.

Chega!
Não quero vidro quebrado!
Não quero  papel rasgado!
Não quero  livro fechado!
Não quero copo vazio!
Não quero mãos paradas!
Não quero estorias raladas!
Não quero lagrimas secas!
Não quero gritos surdos!
Não quero forçar meio seculo à mudar de ideia!
Não, Não, Não fardos.
Me despido de todos.

Nica

Rosa

A rudeza é uma das facetas
prediletas das rosas vermelhas
 pétalas aveludas e malvadas
caules  longos que  diz perfurar em nome sr: dom amor!
Sangra para aliviar a dor,
Rosa, rosa,rosa confessa onde guarda sua flor.

Nica

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

Maria"s"

Maria uma mulher mesquinha patológica
vive a lamentar.
 Hora filhos,hora sogra,hora mãe, hora pai,hora nora
e agora?
Maria você me fez lembrar Lippy e o Hardy
- Oh vida!
- Oh céu!
- Oh azar!
Engraçado!
- Maria parece musica brega
toca em todas rádios.
 "irrita"...!!!
-Ahh ! Maria deixa as pessoas
ouvirem as musicas que lhe apeteçam!

- Pare.Porque gosta de afirmar tanta infelicidade,
acha bonito?
-Sua insana tristeza invadida por seus  verídicos delírios
causam náuseas em João sabia?
Bem acho que não imagina como sua patologia incomoda
todos a sua volta.
Porém existe uma chance de você se redimir querida Maria
Mude sua canção saia das trilhas de novelas!
Vou lhe dar uma dica; que tal musica de raiz!
Aquela ao qual  toca  seu reto.

Nica Gomes






Lipi o Leão - A sobrivivencia - 1965



data:olderPageTitle

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

João

João é livre para fazer o que quiser, no entanto a vasta lista
de expectativas lançadas faz com que João em meio à sala
de aula; faça viagens em mundos até então inalcançados, mesmo assim
ele permanece  escravo  das interrogações:

Porque não consigo travar minha imaginação?
Porque não consigo estudar?
Porque não consigo dizer não?
Porque continuo substituindo minha meta por super fulos
e agressivos momentos?
Porque me sinto sozinho em meio a multidão?
Porque não encontro a mulher ideal?
Porque desejo tudo que não tenho?

João, concordo com N. Keppe quando ele afirma que as pessoas pensam que a conscientização  levará a renuncia de toda superficialidade da existência.
Talvez este seja um comportamento ao qual todos foram condicionados mas não fadados a viver, por isso
temos de  estudar à consciência para ter consciência
Claro tempo para o tempo frase esta fácil de falar,   difícil de respeitar,
mas para além da dificuldade existe a negação da realidade
portanto querido João a vida somente lhe dará resultado se você tiver disciplina.
Arraste a pipa de seus sonhos imagéticos, traga ela bem perto dos seus diálogos internos
.Palavra chave: se errar, encare / se temer, não se preocupe você é humano, se chorar, aceite.
João!
Reconhece a ti mesmo e não temerás...

Nica


segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Nica Gomes



data:olderPageTitle

KOESIA: Pensatuja Mac _ Usp

KOESIA: Interação com a Obra

Maçã

A decepção não precisa ser falada
apenas usada. Ao pensar em mudanças
esquecemos o processo necessário e dolorido
em cada situação na qual exigimos uma melhora.

Observando gaiolas humanas, abelhas negras!
parecem não ter diferença alguma pois as pequenas
abelhas voam, voam e voltam para o mesmo espaço ( porém produzem  delicioso mel)
enquanto que os engaiolados humanos, sonham, sonham mas não tem coragem
de sair das suas projeções ( humanos produzem tenebroso féu ) e pior ainda saem distribuindo
gota à gota.

Decisões mortas abalam muito mais que vivas ações.
- Se pararmos e pensarmos; em todas as razões pelas quais vivemos!
certamente enlouqueceríamos pois essas tais razões abrangem  imensidões externas
ou seja estamos flutuando sobre as razões fundamentais internas.

Percebem o quanto voamos ou melhor fugimos das razões fundamentais?
bem vamos lá; à cada vez que abdicamos de um simples não, quando na verdade queríamos
dizer sim, a distancia aumenta para o que todos creem existir " a tal felicidade" diga se de passagem
esta talvez seja o ouro de tolo do ser humano, que é estimulado à cada vez que deseja tudo aquilo
que não tem!

Esqueçamos os fracos e oprimidos por um instante,
falemos somente em transparentes, aqueles que nos causam náuseas
ou talvez uma especie de nojo indefinível .
Cuidado!
 pois se não tiver cuidado eles acabam dissolvendo sua alma.
Esvaziando pouco a pouco o brilho quase eterno.

Nica

   

sexta-feira, 11 de novembro de 2011

KOESIA: Musica

KOESIA: Musica: A musica tem uma especie de proteção para momentos teoricamente guardados. Num instalar de dedos, Numa nota musical, Lá estamos nós! ...

Musica

A musica tem uma especie de proteção
 para momentos teoricamente guardados.
Num instalar de dedos,
 Numa nota musical,
Lá estamos nós!

- Em outros hemisférios, 
aromáticas gentilezas,
 aveludadas palavras
Ah musica bendita!   

- Soa como uma claquete
 no resgate de cenas simples/suaves
 exercem  poder triunfal quando diz respeito
 à saudades de pessoas especialmente especiais...

A musica de ontem
 é definitivamente o retrato do hoje!
as notas saltam, flutuam,
elas vão de encontro
 a pintura eterna " lembranças".
 de sua, minha,nossas
" vidas".

Nica Gomes

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Lamento! Ponto e Virgula


 A pontuação somada ao tempo sofre, após anos juntos e separados!

Como a virgula poderia corrigir sua negligencia com o ponto? ou
melhor como o ponto poderia corrigir sua negligencia com a virgula?

A pobre virgula esteve todo o tempo ao lado do ponto pensando assim ter
reconhecimento no futuro próximo, no entanto o ponto por ser muito distraído
não percebeu a constância da virgula ao longo do tempo, então a virgula passou
a reclamar a ausência do ponto em determinados assuntos, porém o ponto silencioso
incomodou a virgula ainda mais, fazendo-a inclinar em seu mar de escolhas não escolhidas
apenas mordidas de vidas.

 Hoje o ponto lamenta a falta de força com a virgula e deseja torna-la
alegre.
 Entretanto a virgula esta tomada de dor  e resiste às tentativas do tempo,.
Oh virgula querida! - ninguém é perfeito!
Aceite as reunidas desculpas do ponto.  

Nica Gomes

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

Nós

Com o tempo percebemos todas as partículas
e também a razão pela qual recebemos tantos
presentes  amigos e/ou amigos presentes. E logo em seguida percebemos
o porque de tantos momentos especiais... precisamos apenas confiar
no amor.

Nica Gomes

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

O frio final

Ao observar sua trajetória grande amigo!
sinto-me de mãos atadas à perceber
a limitação  em não poder arrancar esta tristeza
do seu coração.
Ter amigo é uma dadiva. Selar grandes feitos,
 às vezes desfeitos corações nos faz abraçar causas
perdidas, outras sumidas em meio ao desalento do desamor.
Queria poder abrir seu peito e colocar leves sensações nesta
fase que não existe distrações para sua angustia. Saiba! estou aqui
para abraçar seu oprimido botão de rosa sangrento que insiste em te magoar...
Sr: Amado amigo aqui estou para o que voce precisar.

Nica Gomes

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Circulo Monstro

Naquele dia cumpri minha  invisível vontade
abandonei aquele rotulo visível,
invoquei a liberdade que havia matado sem misericórdia
em nome de supérfluas coisas teoricamente maiores, no entanto
penso; o que poderia ser maior que a liberdade...
Examinemos a ponta de luz diante de nossos secretos pecados
talvez nós jamais entraremos  em profundas reflexões enquanto ser humano
pois a facilidade de vivermos à margem das "razões" ou quem sabe "emoções" nos proporcione
 falsos pensamentos que talvez mereçamos assim sermos felizes...
Então invocamos anjos de "culpas alheias"
estes anjos são nossos adoráveis,
 imprescindíveis por excelência em nosso cotidiano patológico.  
Escutem a voz, aquele som intimo,
cujo poder sem explicação poderá
 esmagar o monstro covarde que existe dentro nós.  

Nica Gomes
  

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Em verdade!

Indescritível e compartilhado a incrível mão do destino
ela  proporciona acetinado instante!
Faz pensar no poder do minuto, inenarrável!
ele  consegue fazer você ver asas de joaninhas
É me difícil descrever,
 mas a saudades do que "não tivemos"
 grita em em meus tímpanos
acredite...
Toquei mas não toquei...
Beijei mas não beijei...
Abracei mas não te abracei...
- Mas sorri quando você sorriu!
Falei quando você falou!
Em verdade vos digo o prazer da verdade eterniza amizade.
Antes de me amar, me respeite!
Antes de me beijar, se ame!
Antes de me cobrar, me dê!
O tempo traz a resposta; em verdade, acalma-te carinho meu.

Nica Gomes


terça-feira, 1 de novembro de 2011

Doença tua

Você! causa profunda impressão de culpa...
que culpa tem as pessoas por suas malditas escolhas?
- Suas lagrimas de piedade!
- Tende piedade? de quem?
De você?
De nós?
Nós? quem?
Eu, tu, ele, nós, vós?
Faça -me rir judas!
Traístes a ti mesmo quando abdicou de seus sonhos em prol da hipocrisia cansada...
E agora quem é responsável por este cozido de magoas liquidas, cubos de lamentos?
Tu gemerias tanto ao pé do ouvido do caritas que te arrastou para este inferno?
Não, não creio terias coragem de expelir este torpor passado, e livrar-se deste mal amém!
Você quer achar um culpado? ou você acha que todos temos de sentir este miserável suor de sangue e lagrimas?    
Jesus... provações em números, gêneros e graus?
Grau de paciência aquela que não tenho!
Número mágico; o truque de fazer aparecer tudo que queremos! o houve? esqueceste? a vida é realmente
como desejamos que ela seja ? ah fale / ou pense? estas ai dentro de ti ? ou tão longe que não mais consegui te alcançar!
Gênero de bom samaritano; não funciona ... pare de fingir ou cale-se para sempre.

Nica


Casa do Poeta de São Paulo

Casa do Poeta de São Paulo
Presidente Wilson Jasa, Vice Presidente Adriano Augusto, Embaixadora Cultural

Movimento Poético

Movimento Poético

Associação de Poetas Portugueses

Associação de Poetas Portugueses

Casa do Poeta de São Paulo

Poderá também gostar de:

Postagens antigas

Seguir

Obrigado à todos visitantes!

Maria Ruth

Maria Ruth
Artista Plastica

Titulo - Criação By Nicah Gomes

Titulo - Criação By Nicah Gomes
Tela - Acrilico TM 1x20 1.00

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Translate