domingo, 9 de março de 2014

Enigma

Uma palavra forte e pesada no sentido literal
Como é difícil gerar, pulsar,
Ouvir e sentir o gritar dos hormônios
Acordar com a mandíbula pesada de ranger os dentes
Caminhar como se o quadril fosse descolar a qualquer segundo ou quem sabe o útero despencar!

 A pele  estica a cada dia o desconforto é diário
essa que chamamos gestação na verdade é adaptação ou espiação
um calor imenso invade o corpo o cansaço  vence o sono, as dores são diversas,
dores no quadril, na barriga, no estomago, na bexiga.

Que loucura!
Os hormônios pulsam, latejam!
Alteram  todas sensações desde as mais singelas cotidianas de uma voz que soava branda, até aquela que chega  em ruanda...
Um gesto antes inocente  de repente fica indecente...

Angustia, choro sem consolo...
Um vazio interminável...
Criação de situação maluca, indigesta...

Indescritível desconforto ... louco!!
Que vai transformando a vida pouco à pouco...
Solitário e misterioso pacto silencioso, doloroso esse conhecido pacto de mulher
Mulher valente, torna-se carente!
Mulher independente de repente surge mulher dependente...
Na camada rustica da terra nasce  magia lúdica de mulher.

Nilzangela Souza

Casa do Poeta de São Paulo

Casa do Poeta de São Paulo
Presidente Wilson Jasa, Vice Presidente Adriano Augusto, Embaixadora Cultural

Movimento Poético

Movimento Poético

Associação de Poetas Portugueses

Associação de Poetas Portugueses

Casa do Poeta de São Paulo

Poderá também gostar de:

Postagens antigas

Seguir

Obrigado à todos visitantes!

Maria Ruth

Maria Ruth
Artista Plastica

Titulo - Criação By Nicah Gomes

Titulo - Criação By Nicah Gomes
Tela - Acrilico TM 1x20 1.00

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Translate