terça-feira, 3 de junho de 2014

Trepadeira

A trepadeira  chega de mansinho como quem não quer nada, um agrado aqui, um agrado ali, e de repente lá esta a trepadeira devorando o franguinho!
Ah   gosto valente, come galetos quentes! 
a trepadeira sentada com um não,  trés franguinhos que outrora ... 
 Trepadeira fisgou,
- agora pense! 
o que será que se passa na cabeça de dona trepadeira?
 observando os franguinhos que outrora fazia parte de seu cardápio?
 ... de longe ela parece nostálgica e infeliz.
 Hora veja o tempo passou os frangos cresceram e a trepadeira ficou à margem com suas lembranças.  

Nica Gomes

Casa do Poeta de São Paulo

Casa do Poeta de São Paulo
Presidente Wilson Jasa, Vice Presidente Adriano Augusto, Embaixadora Cultural

Movimento Poético

Movimento Poético

Associação de Poetas Portugueses

Associação de Poetas Portugueses

Casa do Poeta de São Paulo

Poderá também gostar de:

Postagens antigas

Seguir

Obrigado à todos visitantes!

Maria Ruth

Maria Ruth
Artista Plastica

Titulo - Criação By Nicah Gomes

Titulo - Criação By Nicah Gomes
Tela - Acrilico TM 1x20 1.00

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Translate